(Fechar X)
Promoção Produtos Importados Br
Projeto Pornô
Publicidade1
Projeto Pornô
   
Comprar Produtos Adultos Importados (Embalagem Discreta)
Home
Vídeos
Fotos
Artigos
Contos Eróticos
Anuncie Anuncie
Parceria Parceria
Home   

Contos Eróticos

  

Teens

Contos Eróticos  

Prima Patricinha

  Tamanho da Fonte:
Diminui Tamanho Fonte -    Aumenta Tamanho Fonte+
Imprimir Imprimir

Ola pessoal, escrevi uma aventura minha esses dias atras com uma colega de faculdade e gostei da experiência e agora me animei e vou relatar uma transa com uma prima minha sei que deve ter muitos relatos com essa situação, mas elas são verdadeiras, tem muitos primos transando por ai, ela é filha da minha tia irmã da minha mãe, mesmo sendo de 1º grau e morarmos perto somos distantes, ela sempre teve um padrão de vida elevado e tem outros habitos, outros amigos, mas o fato é que fui visitar o pai dela, meu tio postiço, que esta doente, na visita conversei muito com meu tio e e ela deu bastante atenção, mas flui um papo legal, ela é formada em enfermagem e não trabalha na área e agora esta fazendo Direito e por hironia do destino estamos na mesma faculdade, ela estuda de manhã e eu a noite.

Após visitar meu tio deixei ele descansar, descemos da parte superior da casa e ficamos na cozinha, ela me ofereceu um copo de suco e continuamos a conversar, e me agradeceu por visitar seu pai segundo ela ele ficou contente. Deixa eu descreve-la, ela chama-se Suelen, tem 24 anos, 1,70 de altura, ruiva natural, seios grandes, bumbum normal, coxas um pouco grossas, não é muito bonita de rosto, não passa despercebida, eu acho ela bonita. Nos despedimos com um beijo no rosto e ela falou-me:

- Tchau primo, aparece mais vezes.

Na 2ª feira fui pra faculdade mais cedo, cheguei por volta das 16 horas, e encontrei com Su, ela me parou para falar comigo e me apresentou pras suas amigas como seu primo, cumprimentei cada uma delas com beijos no rosto, e perguntei o que fazia la, ja que ela estuda na parte da manhã, ela me disse que estava fazendo um trabalho, e que iria ficar até umas 19 ou 20 horas, trocamos número de nextel e nos despedimos, quando deu 19 e 30 horas ficamos sabendo que nosso professor não veio dar aula, lembrei da prima e a chamei pelo nextel ela ainda estava na faculdade, perguntei se iria demorar e ela falou que estava terminando o trabalho e me chamou pra ir até ela, cheguei na praça de alimentação e ela estava sozinha, nervosa porque não conseguia concluir o trabalho, embora eu faça Adm tenho aula de Direito, e consegui ajuda-la, terminamos em menos de 30 minutos, foi quando minha tia a chamou pelo nextel perguntando se iria demorar, ela falou que iria sair por volta das 21 horas ou mais, olhou pra mim e sorriu, minha tia reclamou dizendo que era perigoso ela dirigir a noite devido não estar acostumada, ela falou pra minha tia assim:

- Mãe, fica tranquila, eu encontrei o primo aqui na faculdade e vou pedir pra ele ir comigo, minha tia sem dar tregua pediu pra falar comigo, ela falou:

- Vou chamar ele pelo radio e ele ja te chama, pediu pra eu esperar e depois de uns cinco minutos eu chamei minha tia:

- Oi tia, tudo bem?

- Tudo! Flou minha tia e continuo falando e perguntou se eu poderia ir com a Su na hora que ela fosse sair, confirmei que sim e ela ficou tranquila, quando desligamos o radio minha prima falou com os olhos umedecidos:

- Não aguento essa pressão, é sempre assim, me preciona o tempo todo, me controla, não aguento mais, eu por instinto a abracei e ela pediu pra sair da faculdade, saimos e fomos para uma lanchonete em frente, ela pediu um milk sheik de abacaxi com vinho, e falou:

- Quando posso sempre bebo vinho, adoro, minha mãe me poda, mas eu quando posso estrapolo. Ela começou com um de 500 ml e depois pediu outro, e comentou:

- Aproveito que não engordo e exagero em doces, agora esse milk de vinho ta uma delicia, e pediu outro, só que agora com mais vinho do que abacaxi. Passado uns 40 minutos ela com o milk e eu na água, conversamos de tudo e ela me convidou para irmos embora, ja eram quase 21 horas quando saimos, eu por segurança fui dirigindo o carro dela e ela, ela aumentou o som e cantava junto com a música, paramos no farol ela foi mudar a música e se aproximou de mim e falou:

- Primo hoje eu vou estravasar, e me deu um selinho, demorado mas foi selinho, e voltou a cantar. Estranhei e dei continuidade, o farol abriu e demos continuidade, a cada farol fechado ela mudava o som e me dava beijos, foi quando falou:

- Estou passando mal, e colocou a cabeça pra fora e acabou despejando tudo na lateral do carro e acabou sujando o seu cabelo, ela começou a chorar e pediu para ir a algum lugar pois precisava de um banho se chegasse em casa daquele jeito minha tia iria dar bronca nela e coloca-la de castigo. Falei que sim e como estava na radial leste perto do metro patriarca, resolvi entrar num motel que foi inaugurado recentemente, pensei: aproveito e conheço o local, parei o carro pedi uma suite e entramos, Su desceu do carro entrou na suite e foi direto pro banheiro, entrei em seguida e ouvi ela colocando tudo pra fora, e após pediu para eu esperar no quarto, para não entrar no banheiro, falei que tudo bem, ouvi o barulho de água caindo e depois de uns vinte minutos ela saiu de toalha, pediu desculpas e falou que iria descansar um pouco, então eu falei que iria tomar um banho, demorei uns 10 minutos e sai sem camisa somente com a calça ela estava deitada e vendo uma reportagem e me falou:

- Que vergonha que estou de você! Me desculpa, mas precisava disso. Obrigada! Falei:

- Que isso prima, fica tranquila, primo é pra essas coisas e pode contar com meu silêncio, não vou falar nada pra sua mãe, vai ser um segredo nosso, rimos e ela se levantou ficando de joelhos na cama e me abraçou, nisso a toalha enrosca no meu cinto e quando ela se afasta a toalha fica presa ela tomou um susto e falou:

- Fecha os olhos que a toalha ficou presao! Não me olha! Olhei pra ela e falei:

- Desculpe-me mas é impossivle não olhar você é linda e gostosa!! Ela emendou

- Eu me acho muito magra e peituda, sem vacilar a beijei e ela correspondeu, nos beijamos longamente, seus lábios eram macios e seu hálito quente, enquanto nos beijavamos fui deitando ela na cama e fiquei por cima do seu corpo, comecei a descer beijando seu queixo, pescoço até que parei nos seus seios, eram lindos, brancos, com as aurelas rosadas, suguei cada um deles e ela gemia, fiquei mais de 10 minutos mamando seus peitões, comecei a descer novamente lambendo e e beijando sua barriga até chegar na sua bocetinha com uma pequena penugem ruiva, seus pelos eram vermelhos, linda uma bocetinha carnuda, abri suas pernas e comecei a sugar e beijar sua bocetinha e Su gemia e falava:

- Ai primo como é gostoso, estou adorando, continua! Dei segmento e comecei a chupar seu grelinho, alias um grelo avantajado, chupava sem parar e coloquei um dedo em sua bocetinha, estava bem humida e coloquei mais um ela estava bem excitada e receptiva, levantei suas pernas e senti que Su estava gozando, comecei a passar meu dedo em volta do seu cuzinho, ela gemeu mais alto e contraiu o cuzinho, mas deu a antender que gostou. Aproveitei a posição e fui descendo a boca até alcançar seu cuzinho, primeiro fui lambendo em volta, para melhorar a virei deixando-a com o bumbum empinado, com o cuzinho mais exposto voltei a lamber em volta, quando passei a língua no seu cuzinho ela gemeu e arrebitou mais a bunda, que delicia de cuzinho, a deitei e subi lambendo suas costas até chegar no pescoço, ela me falou:

- Põe logo, não podemos ficar muito tempo, ela arrebitou a bunda ficando de quatro e com a cabeça no travesseiro, coloquei um preservativo e introduzi meu cacete em sua bocetinha, ela era apertada, e olha que tenho dote normal, 16 cm e um pouco grosso, ela gemeu e abriu mais a bundinha, comecei a bombar e Su gemia e falvava:

- Adoro foder! Adoro um cacete na boceta! continuei bombando até que ela gozou, tirei meu cacete da frente e encostei no seu cuzinho, ela falou:

- Nossa primo, você é safado! Nem perguntou se eu queria.

- Essas coisas nem precisa perguntar e se prepara pra levar rola nesse seu cuzinho, encostei e dei uma forçada com o cacete no seu cu, ela abriu as maças da bunda e falou:

- Então soca a rola, adoro dar o rabo, me trata como uma vadia. Encostei a cabeça no seu cu e empurrei entrou a cabeça do meu cacete, esperei ela se acostumar e empurrei o resto quando senti minhas bolas encostado na sua pele, comecei a bombar com força, Su gemia, falava palavrões e pedia pra socar com força, eu dava fortes bombadas e ela delirava, comecei a bater na sua bunda e falar:

- Isso patricinha vadia, goza no pau do seu macho! Vai patricinha arregaça esse rabo que vou gozar nele, Su começou a gozar e eu enchi a camisinha com meu esperma. Terminamos e desabamos na cama, após alguns minutos descansando fomos para o banho e su sentou no vaso para fazer xixi e eu fiquei em frente a ela e Su comentou:

- Vou aproveitar que estou sentada aqui de frente pra ele vou mamar até você gozar na boca da sua patricinha vadia, começou a chupar meu pau em poucos minutos estava duro como um ferro, ela chupava com uma habilidade que falei:

- Nossa patricinha você chupa meu cacete com tanta habilidade que parece que tem anos de boquete. Ela me olhou com meu pau na boca e acelerou o boquete punhetando meu pau e gozei encendo sua boca de porra que caiu nos seus peitões ela riu e falou:

- Tenho muito mais tempo de boquete do que você pode imaginar, tomamos banho e fomos embora. No caminho ela me falou que mia tia pegava no pé dela devido a ter flagrado com o namorado quase transando, e ela transa desde o 14 anos com o namorado que até então tinha sido o único homem dela, e que eles fazem de tudo inclusive anal e até DP com vibrador. A deixei em casa e minha tia agradeceu. No dia seguinte ela me chamou pelo rádio e falou que vai providenciar outro trabalho o mais breve possivel.

Essa estória aconteceu de verdade, sempre li relatos com primos e nunca pensei que isso iria acontecer comigo, como no conto anterior gostaria de receber email de mulheres, estilo plus size e de casais para participar de menage, moro em SP.

Abraços a todos.

Autor: Gyo
Fonte: casadoscontos.com.br
O patrão ficou maluco!
Cupom de desconto do novo parceiro do ProjetoPornô: P10D2AAP
Acesse www.produtosimportadosbr.com.br e aproveite o nosso desconto!


views 6397


tags:

jovens 

teens 

prima 

primos 

patricinha 

riquinha 

linda 

aventura 

fantasia 

incesto 

heterossexual 

família 

faculdade 




Novidades:




  Contos Eróticos Relacionados

Na minha mente, tudo o que aconteceu antes

Eu vou me decepcionar depois de tantos anos pensando nisso e tendo essas conversas com ele. E a pegada dele? Pronto, sem calcinha.

views 1480

Foi levada ao abate

Bebemos um pouco, comemos também e fomos deitar, desta vez a ninfetinha não foi sozinha, fui junto.

views 2324

Renatinha se descobrindo

A pequenina Renata se ajoelha na cama, com as pernas aberta, a bundinha empinada e o rabinho bem...

views 3257

A Patricinha e o Porteiro - Parte 2

Eu nem abri mais os olhos de tanta porra na minha cara, so sentia o safado bater e esfregar o pau no meu rosto...

views 4193

Fui dar Mole e ele Crew

Naquela hora eu perdi a razão e senti a minha xaninha apertando aquela tora...e gozei feito uma doida!

views 4610
 
 
Parceiros & Links Recomendados Recomendados!

1. 2. 3. 4. 5.
6. 7. 8. 9. 10.
11. 12. 13. 14. 15.
16. 17. 18. 19. 20.
21. 22. 23. 24. 25.
26. 27. 28. 29. 30.
31. 32. 33. 34. 35.
Videos De Putaria     KiNovinhas     http://www.rodiziodegatas.net/     CNN Sexo     xvideos porno     Novinha Tesuda

> Xvideos Pornos        > Só Putinhas        > Brasileiras Putas        > Mulheres a foder

> Comendo sua Mãe        > Gatas Quentes        > Portal da Putaria        VAZOU NO WHATSAPP


*ATENÇÃO: Clique aqui para entrar em contato conosco para denunciar um site acima que tenha conteúdo ilegal/malicioso ou contaminado!
> Clique Aqui e cadastre-se para se tornar um Parceiro do Projeto Pornô® <
 
 
    porno     pornô     videos porno     fotos eroticas     sexologia     contos eroticos     gostosas     novinhas

    amadora     xoxota     buceta     atriz porno famosa     sexo oral     bunda     traição     bundas

    xoxota     sexo oral     putaria     bucetas     porno    bucetinhas    contos eróticos
 
Violência Contra a Mulher: DENUNCIE! Todos Contra a Pedofilia!
Site Proibido Para Menores de 18 anos! Site Proibido Para
Menores de 18 anos!
Copyright © ProjetoPorno.com.br, Todos Direitos Reservados  -  Contato   Retirar Conteúdo
Melhor Visualizado na resolução: 1024 x 768 px.